Página Inicial > Notícias > Viana do...do escritor

Viana do Castelo homenageou Couto Viana no 89.º aniversário do nascimento do escritor

25 Janeiro 2012

AB35124aO Presidente da Câmara Municipal, José Maria Costa, presidiu ontem à homenagem ao falecido poeta António Manuel Couto Viana, no dia em que celebraria 89 anos. A sessão integrou a leitura de poemas e ainda uma sessão onde José Maria Costa exaltou o trabalho do poeta vianense, lembrando ainda as várias iniciativas da autarquia com o intuito de o homenagear.

Desde logo com a instituição do Prémio Escolar António Manuel Couto Viana, mas também com múltiplas homenagens como a de 2011, em que lançou o livro “Tens visto Antão? Contos pícaros e outros não”, por Ricardo Saavedra e Francisco José Viegas, na sala com o nome do escritor da Biblioteca Municipal de Viana do Castelo; a apresentou em estreia pelo Centro Dramático de Viana de “Era uma vez um dragão”, da autoria de Couto Viana.

Recorde-se que António Manuel Couto Viana nasceu a 24 de Janeiro de 1923, em Viana do Castelo, e faleceu a 8 de Junho de 2010, em Lisboa, com 87 anos. Reformou-se como Mestre de Cena do Teatro S. Carlos, foi poeta, contista, dramaturgo, ensaísta, memorialista e autor de livros para crianças, contando a sua obra com mais de uma centena de títulos.

A sua estreia literária deu-se em 1948 com o livro de poemas O Avestruz Lírico, mas já escrevia desde 1943, em jornais locais de Viana, Braga, Valença e Lisboa. Entre 1949 e 1951, dirigiu a revista infanto-juvenil Camarada, tendo dirigido com David Mourão Ferreira, Luíz de Macedo e Alberto de Lacerda os cadernos de poesia Távola Redonda, e mais tarde, entre 1956-1957, a revista de cultura Graal. Fez ainda parte do conselho de redacção da revista Tempo Presente, entre 1959 e 1961.

Interessou-se pelo teatro desde cedo, tendo colaborado como actor, cenógrafo, encenador e empresário em várias companhias. Por intermédio de David Mourão-Ferreira estreou-se como actor e figurinista em 1946 no Teatro Estúdio do Salitre, em Lisboa, mas já anteriormente tinha dado os primeiros passos no teatro de família, o Teatro Sá de Miranda, em Viana do Castelo.

 

 

Viana do Castelo, 25 de Janeiro de 2012 

 

                                 Gabinete de Imprensa

Câmara Municipal de Viana do Castelo