Página Inicial > Notícias > Reunião...do concelho

Reunião da Comissão Municipal de Baldios juntou entidades gestores das 13 áreas baldias do concelho

25 Março 2021

Decorreu ao final da tarde desta terça-feira a quinta reunião da Comissão Municipal de Baldios de Viana do Castelo, reuniões de caráter trimestral e que juntam à mesa as entidades gestoras das 13 áreas baldias do concelho de Viana do Castelo, responsáveis pela gestão de 25% do nosso território, área florestal.


Na reunião, com 8 pontos de ordem de trabalhos, o Vereador com o Pelouro do Ambiente e Biodiversidade, Ricardo Carvalhido, realça que foram discutidos assuntos de relevo, nomeadamente o ponto de situação sobre a elaboração de projetos para alavancagem da transferência das casas florestais devolutas para a posse municipal, o ponto de situação sobre a aprovação do Regulamento do Conselho Municipal de Baldios no seio das Assembleias de Compartes e o planeamento para o I Encontro de Entidades Gestoras de Baldios de Viana do Castelo, a acontecer no mês de junho.


Foram ainda discutidas, articuladas e programadas as atividades e investimentos a acontecer durante o presente ano económico, com ênfase no desenvolvimento dos planos de gestão da floresta, essenciais para a definição das estruturas de conservação, lazer e produção florestal, com foco na sustentabilidade económica e socioambiental daqueles espaços. Por último, foram passadas em revista as intervenções sobre as Faixas de Gestão de Combustível, as Faixas de Proteção à Rede Viária e as Faixas de Interrupção de Combustível, e outros aspetos essenciais à prevenção dos incêndios florestais.


O Vereador Ricardo Carvalhido destacou a unanimidade da comissão de baldios em torno da criação do Banco de Carbono dos Baldios de Viana do Castelo, estrutura pioneira no país, de iniciativa local, e que poderá contribuir para a descarbonização da atividade industrial das empresas instaladas nos nossos parques empresariais.


Este Banco de Carbono está em linha com as premissas do Roteiro para a Neutralidade Carbónica 2050, publicado pelo Governo, e que visa atingir a neutralidade carbónica em 2050 através do reforço da capacidade de sequestro de carbono pelas florestas e por outros usos do solo. A implementação desta estratégia, no entender da Câmara Municipal, e aliada às Áreas Baldias do Concelho de Viana do Castelo, poderá constituir-se, de futuro e com a cimentação de regras e princípios, como um dos elementos do Mercado Voluntário de Carbono do nosso país, e contribuir decisivamente para a alteração do perfil ecológico da nossa floresta, incrementando o seu valor genético e dos ecossistemas, e a redução dos incêndios florestais.


Relembramos que a Comissão Municipal de Baldios de Viana do Castelo iniciou funções em março de 2019, por altura do Ano Municipal para a Recuperação da Floresta Nativa Portuguesa, reunindo trimestralmente.