Página Inicial > Notícias > Presidente...privatização da EGF

Presidente da Câmara Municipal preocupado com a privatização da EGF

13 Novembro 2013


O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, solicitou, durante a o conselho de administração das Águas do Noroeste de ontem, uma reunião à tutela para discutir o futuro da Resulima e da Valorminho, numa altura em que se discute a privatização da Empresa Geral do Fomento, S.A, a sub-holding do Grupo Águas de Portugal para a área de negócio dos resíduos.

O autarca diz-se muito preocupado com a situação e, na reunião, aproveitou para solicitar uma reunião com o Ministro do Ambiente e com o Presidente da EGF para discutir assuntos como a situação dos sistemas da Resulima e da ValorMinho. Na sequência deste encontro do Conselho com a tutela, ficou ainda acordada a constituição de um grupo de trabalho com representantes de todos os sistemas para análise e discussão dos assuntos relativos ao Plano Estratégico para os Resíduos Sólidos Urbanos (PERSU) e do processo de privatização em curso.

Estas decisões surgem depois de ter sido manifestado o desagrado relativo à pouca informação prestada sobre o processo até agora, assim como a menorização do papel dos Municípios na gestão do dossier de privatização e de auscultação das autarquias na garantia de um serviço público, na manutenção dos preços dos tarifários e na participação das autarquias no desenho destas organizações.

José Maria Costa diz-se muito preocupado com o processo de privatização mediante os dados do PERSU, que altera a tecnologia dos sistemas municipais e multimunicipais, provocando um aumento significativo dos tarifários e a perda da capacidade de regulação dos Municípios nos conselhos de administração dos Sistemas.

Gabinete de Imprensa
Câmara Municipal de Viana do Castelo