Página Inicial > Notícias > Plano e Orçamento...educação

Plano e Orçamento da Autarquia para 2011 aposta na área social, acolhimento empresarial e educação

22 Novembro 2010

A Câmara Municipal de Viana do Castelo aprovou, por maioria, o Plano de Actividades e Orçamento da autarquia e dos Serviços Municipalizados e de Saneamento Básico (SMSBVC) para 2011. Os documentos, que reflectem as dificuldades orçamentais nacionais e o corte de 1,4 milhões de euros nas transferências da Administração Central, têm uma dotação de 83.8 milhões de euros, sendo as grandes opções na área social, acolhimento empresarial e empreededorismo e educação.

O Orçamento, que o Presidente da Câmara considerou ser “um orçamento que adequa as dificuldades do enquadramento orçamental com os objectivos e propostas de futuro do Município de Viana do Castelo”, tem apostas claras em sectores como o apoio à área social, a diminuição da despesa corrente, o aproveitamento dos fundos do QREN, a aposta na educação e a redução das taxas para apoio à reabilitação de edifícios.

A edilidade, que teve em conta a conjuntura económica e financeira e a consequente diminuição de receitas próprias da autarquia, aposta assim na reprogramação de investimentos e na afectação de recursos para áreas sociais, incentivos ao investimento e o bom aproveitamento dos fundos comunitários do QREN, da Polis Litoral Norte e Águas do Noroeste, ou da contratualização de verbas com a Comunidade Intermunicipal Minho Lima.

Uma das principais apostas vai continuar a ser o projecto do Centro de Mar; mas também no esforço financeiro para apoiar acções e projectos da Rede Social, da qual se destacam os apoios à construção de equipamentos sociais, projectos de desenvolvimento social e a programas de apoio a situações de emergência, em articulação com a Segurança Social e Instituições Privadas de Solidariedade Social; o apoio ao desenvolvimento das freguesias; a continuação do esforço no domínio da Educação para criar novos centros escolares e instalação de infra-estruturas tecnológicas; e ainda uma programação de iniciativas culturais e desportivas de acordo com as disponibilidades financeiras, impactos socio-económicos e fontes de financiamento comunitários.

Nos Serviços Municipalizados de Saneamento Básico, o Plano de Investimentos ao privilegia os investimentos associados às reduções de perdas e a complementaridade das acções financiadas por fundos comunitários que vão ter maior expressão no concelho.

De acordo com o Presidente da Câmara, este documento focaliza a sua acção nos domínios da atracção de investimento orientado para a consolidação de dinâmicas económicas existentes e/ou emergentes; aposta no sentido de inovação, num quadro crescente de coesão e sustentabilidade com o tecido sócio - económico concelhio; e a afirmação de Viana do Castelo nos planos regional, nacional e da euro-região Galiza / Norte de Portugal.

 

Viana do Castelo, 22 de Novembro de 2010      

                                 Gabinete de Imprensa

Câmara Municipal de Viana do Castelo