Página Inicial > Notícias > Fundação...protocolo

Fundação de Serralves e Câmara de Viana do Castelo assinaram protocolo

23 Fevereiro 2010

p_protocolofserralves3O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, e o responsável máximo da Fundação de Serralves, Luís Braga da Cruz, assinaram hoje o protocolo que irá permitir a Viana do Castelo integrar a Fundação como Câmara Fundadora. A iniciativa irá facultar o desenvolvimento de um conjunto de acções nas áreas das artes, da arquitectura, do ambiente e das indústrias criativas, transformando Viana do Castelo “numa cidade da cultura contemporânea”.

Numa cerimónia onde marcaram presença os produtores culturais do concelho, Braga da Cruz destacou o intuito de “descentralização cultural” da Fundação, considerando Viana do Castelo “um município que se interessa pela cultura contemporânea”. “Viana do Castelo já é uma cidade da cultura, sobretudo tradicional a que se junta agora a contemporânea” sublinhou ainda o responsável.

Já para o autarca, em causa está a concretização de três objectivos: “A aposta na cultura, na tradição cultural e na criação de oportunidades para os jovens”. Satisfeito com a assinatura do protocolo que possibilitará a Viana do Castelo aceder a uma instituição de referência internacional, José Maria Costa anunciou ainda o lançamento de uma Bienal de Artes e Design, que contará com o estreito apoio da Fundação.

 

O Protocolo:

 A Fundação de Serralves é uma instituição de utilidade pública de que são Fundadores, entre outros, o Estado, e um importante conjunto de entidades, singulares e colectivas, que representam a iniciativa privada e a sociedade civil e as autarquias. Tem como objectivos principais a promoção de actividades culturais no domínio das artes e onde se destaca a actividade desenvolvida no Museu de Arte Contemporânea, que já alcançou uma importante projecção internacional e tem desempenhado um papel fundamental na vida cultural do país, com forte relevância socioeconómica.

 A Câmara Municipal de Viana do Castelo, por seu lado, pretende proporcionar à população uma oportunidade de ampliar hábitos culturais e um contacto mais próximo com as manifestações artísticas e os criadores portugueses e estrangeiros de maior relevância.

Enquanto Câmara Fundadora, a autarquia passa assim a ter “regalias” como a organização anual de uma grande exposição de arte contemporânea, entradas gratuitas para crianças e jovens estudantes e residentes com idade superior aos 65 anos, a organização de visitas guiadas gratuitas, a colaboração com as escolas em programas pedagógicos e a participação especial em eventos da Fundação de Serralves, entre outras. Trata-se de um conjunto de iniciativas que promovam a cultura contemporânea e a sensibilização ambiental nas áreas das suas atribuições institucionais, bem como beneficiar das competências especializadas da Fundação de Serralves.

A Câmara de Viana do Castelo e a Fundação de Serralves poderão ainda colaborar em iniciativas como a formação pedagógica de agentes, a organização de estágios de formação, a prestação de consultadoria na área da arte contemporânea, a realização de cursos de gestão cultural, a organização de acções de sensibilização, programas de inclusão social ou o apoio técnico na área museológica e ambiental.

Com a assinatura do presente Protocolo de Cooperação, a Fundação de Serralves e a Câmara Municipal de Viana do Castelo, vão fomentar um projecto de promoção e divulgação cultural e ambiental tendo em vista a aproximação das populações às linguagens da produção cultural contemporânea e à sensibilização ambiental, bem como à importâncias da Inovação e Criatividade no desenvolvimento económico e social.

 

 

Viana do Castelo, 23 de Fevereiro de 2010

 

Gabinete de Imprensa

Câmara Municipal de Viana do Castelo