Página Inicial > Notícias > Câmara Municipal...da Gripe A

Câmara Municipal prepara Plano de Contingência para a Pandemia da Gripe A

26 Maio 2009
 

O Plano, semelhante ao que foi preparado para a pandemia da gripe das Aves, segue as orientações da Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde, seguindo as orientações estratégicas da Direcção Geral de Saúde. Nos serviços da Câmara Municipal e SMSBVC, o principal objectivo será garantir a continuidade da prestação dos serviços essências do município num cenário de pandemia, ou seja, preparar a organização da autarquia para poder funcionar com metade dos funcionários, que garantirão os serviços dos quais a população não pode prescindir.

            Em causa estão, por exemplo, o abastecimento e tratamento de água, a recolha de resíduos, a protecção civil municipal, obras de manutenção da rede viária e edifícios municipais e pagamento, nomeadamente a fornecedores, que obrigarão à redistribuição das funções dos trabalhadores municipais e municipalizados, para garantir a necessária continuidade dos serviços.


            O Plano de Contingência contempla ainda medidas de defesa dos trabalhadores como o uso de máscaras, a limpeza e a distribuição de produtos de higienização das mãos. A reavaliação do plano, por departamento, será agora efectuada em reunião a realizar na próxima semana, com as acções a desenvolver por cada um dos sectores, as fases de activação e ainda os cenários possíveis.

            A activação do plano cabe ao Presidente da Câmara ou seu substituto legal e poderá ser efectuada de acordo com as directrizes da Direcção Geral de Saúde.


            A gripe é uma doença do sistema respiratório e caracterizada por uma grande capacidade de transmissão, onde o cenário de pandemia é considerado possível. Foi o que aconteceu com a "gripe espanhola" em 1957 e com a gripe asiática em 1968. Recentemente, a gripe das aves deixou o mundo em alerta.

            A gripe A (H1N1) é um subtipo da "influenzavirusA", a mais comum em humanos. Em Abril deste ano, um surto de H12N1 matou mais de cem pessoas no México e a Organização Mundial de Saúde, no seu balanço oficial do mês de Maio, apresentava um número de contaminados que ascendia aos 2384.




            Viana do Castelo, 26 de Maio de 2009



Gabinete de Imprensa

Câmara Municipal de Viana do Castelo