Página Inicial > Notícias > Centro de...do Castelo

Centro de Investigação da Universidade do Minho no Centro de Documentação e Interpretação do Mar de Viana do Castelo

22 Abril 2015


O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo e Presidente da Fundação Gil Eannes, José Maria Costa, recebeu cerca de três dezenas de investigadores do Centro de Investigação de Biologia Molecular e Ambiental da Universidade do Minho no navio Gil Eannes, no âmbito de uma visita dos investigadores ao Centro de Mar.

Na sessão de boas vindas, o autarca informou os presentes sobre o projeto do Centro de Mar de Viana do Castelo, mas também das suas diferentes vertentes, nomeadamente no desporto, na cultura costeira e na interpretação do mar.
José Maria Costa agradeceu ao Centro de Investigação toda a colaboração prestada ao Município de Viana do Castelo nas diversas iniciativas e evidenciou a importância que o Município dedica aos temas da economia do mar e à sua sustentabilidade, disponibilizando os serviços e os equipamentos para projetos de investigação que venham a ser desenvolvidos pelo Centro, na certeza de que este é um dos sectores estratégicos para a cidade, para a região e para todo o país.

De lembrar que o Centro de Mar - Centro de Interpretação Ambiental e de Documentação do Mar funciona num reabilitado e reconvertido espaço do navio Gil Eannes. Trata-se da “porta de entrada” do Centro de Mar, tendo implicado um conjunto de adaptações do navio para as novas funções complementares às que já aí estão a funcionar.

As componentes instaladas – áreas para serviços do Centro de Mar, Centro Interpretativo Ambiental, que inclui um percurso museológico e interpretativo sobre a cultura marítima de Viana do Castelo, e Centro de Documentação Marítima – obrigaram a acrescentar à exposição existente, fundamentada numa musealização convencional e interpretativa do próprio navio enquanto objeto patrimonial, duas novas componentes expositivas, uma de caráter interativo e “remissivo” (porque remete o visitante para o território local e regional envolvente, através de uma fio condutor que se centra na temática global da cultura e vivência marítimas) e uma de caráter imersivo (apoiada fundamentalmente no recurso ao audiovisual).

Este espaço é dotado, entre outras valências, de equipamentos multimédia, um mini-auditório, a possibilidade de acesso a consultas, áreas de apoio ao empreendedorismo e economia náutica e diversas experiências audiovisuais interativas.

Gabinete de Imprensa
Câmara Municipal de Viana do Castelo