Página Inicial > Notícias > Autarcas...do Ambiente

Autarcas da Resulima pedem audiência à Ministra do Ambiente

20 Setembro 2012

Os Presidentes das Câmaras Municipais que compõe a Resulima - Arcos de Valdevez, Ponte da Barca, Barcelos, Ponte de Lima, Esposende e Viana do Castelo – pediram à Ministra Assunção Cristas uma reunião com carácter de urgência para discutir o processo de privatização da área dos resíduos.

Em ofício, os autarcas manifestam a preocupação pela falta de informação institucional sobre o processo de privatização da área dos resíduos e os moldes em que será efectuada, pelo que pedem informação detalhada e querem saber qual o papel dos municípios no processo e no futuro da empresa.

No mesmo ofício, os autarcas mostram ainda “apreensão” sobre o futuro da empresa, atendendo aos compromissos assumidos entre os municípios e a garantia do controlo da qualidade do serviço prestado aos utilizadores e a contenção tarifária. Por isso, pedem que seja considerada a hipótese dos accionistas adquirirem o capital social da Resulima pertencente ao accionista EGF- Empresa Geral do Fomento, em detrimento da dispersão do capital por privados, mantendo a gestão da empresa na esfera do interesse público e ao serviço dos munícipes.

Os presidentes recordam ainda que, num cenário de privatização, poderão estar em causa os compromissos assumidos pelos municípios no acordo parassocial, como a rotatividade do aterro ou a construção de novas infra-estruturas, bem como a sustentabilidade empresarial ao nível económico, social e ambiental.

A Resulima foi constituída em 1996, tendo por objectivo social a actividade de recolha selectiva, triagem, tratamento e valorização de resíduos sólidos na área dos seis municípios, detendo agora grande grau de maturidade e com excelentes indicadores, praticando a tarifa mais baixa do país, estando sem endividamento e com capitais próprios.

            Viana do Castelo, 20 de Setembro de 2012