Página Inicial > Notícias > Autarca de...das empresas

Autarca de Viana do Castelo defende que TAP é fundamental para atratividade do território e competitividade das empresas

26 Maio 2020

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo defendeu hoje a importância da TAP para “a coesão do Alto Minho, para a atratividade do território e para a competitividade das empresas”. José Maria Costa participou numa conferência de imprensa que reuniu, esta manhã, autarcas, entidades e personalidades da região Norte, em reação ao plano de retoma da operação da TAP apresentado para os meses de junho e julho e que só inclui ligações com Paris, Luxemburgo e Madeira a partir do Aeroporto Sá Carneiro, no Porto.


Na sua intervenção, José Maria Costa referiu que “concebemos o Alto Minho como um território atrativo, competitivo e o Aeroporto Francisco Sá Carneiro e a TAP são fundamentais para garantir a coesão e atratividade do território”.


“Fiquei chocado com aquilo que tivemos conhecimento, porque se perde o sentido da unidade nacional, da competitividade e da nossa capacidade de estarmos ligados ao mundo”, lamentou o edil.


O autarca vianense destacou ainda a importância da TAP para a preservação da ligação do Alto Minho com a diáspora. “Essa ligação forte, umbilical, que a TAP fazia com os nossos concidadãos na diáspora é fundamental. Espero que o bom senso volte às decisões e que o Governo volte a pensar, como sempre tem pensado, que a TAP é uma companhia fundamental para Portugal”, frisou.


O plano da companhia aérea para os meses os próximos dois meses implica 27 ligações semanais em junho e 247 em julho, sendo a maioria de Lisboa.