Página Inicial > Notícias > Alto Minho...do futuro

Alto Minho aposta no turismo do futuro

10 Fevereiro 2021

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo e Presidente da CIM Alto Minho, José Maria Costa, marcou presença na sessão de encerramento da reunião do Fórum Permanente de Turismo Sustentável da Carta Europeia de Turismo Sustentável do Alto Minho. Na sua intervenção, defendeu que “o Alto Minho está sintonizado com o turismo do futuro”.


A sessão de apresentação de resultados do trabalho do Fórum Permanente de Turismo Sustentável, onde foram apresentadas e validadas as Áreas Temáticas para o Plano de Ação ( 2021-2024) e a identificação tanto dos curadores como dos potenciais interessados de cada uma dessas temáticas, permitiu discutir e validar as ofertas da nova Estratégia e Plano de Ação 2021-2024, em sessões de trabalho paralelas, tendo como objetivo definir, de forma participada, as principais linhas de atuação estratégica que irão compor o dossier de reavaliação da CETS do Alto Minho, para o período de 2021-2024, a submeter já no próximo mês de maio.


Na sua intervenção no final dos trabalhos, onde foi feita esta avaliação do plano de ação entre 2015 e 2020 na sequência do galardão atribuído em 2015 com a Carta Europeia de Turismo Sustentável (CETS) da Federação EUROPARC, José Maria Costa sublinhou que “o Alto Minho está sintonizado com o turismo do futuro”, referindo que o alto Minho é uma das regiões nacionais e europeias de elevada qualidade e diversidade ambiental, tendo mesmo o privilégio de ter, no seu território, parte importante do único parque nacional do país: o Parque Nacional da Peneda Gerês.


“A atual situação pandémica e os novos desafios que são colocados ao turismo estão em linha com as apostas que a CIM Alto Minho e os dez municípios tem vindo a fazer nos últimos anos: a aposta no turismo de natureza, a aposta a sustentabilidade de recursos e a aposta na valorização da paisagem”, referiu o autarca, agradecendo e sublinhando o papel de todos os atores públicos e privados que, ao longo dos últimos cinco anos, tem desenvolvido iniciativas e projetos de valorização e qualificação da oferta turística de excelência ambiental no Alto Minho.