Página Inicial > Áreas de Ação > Projetos Financiados > Portugal 2020 > Fundo de...Coesão (FC)

Fundo de Coesão (FC)

POSEUR-03-2215-FC-000027 | Escola da Natureza

Designação: Escola da Natureza

Custo Total Elegivel: 193 680,82 €

Comparticipação FEDER: 164 628,70 €

O Projeto ESCOLA DA NATUREZA pretende desenvolver ferramentas de trabalho direcionadas à comunidade jovem e escolar, estruturadas com o objetivo de fomentar o respeito e valorização da biodiversidade associada aos valores naturais de áreas classificadas. Todas as ferramentas de trabalho a conceber funcionam independentes entre si, mas se utilizadas em conjunto complementam-se. No âmbito do presente projeto destaca-se ainda a possibilidade de promover intercâmbio entre grupos escolares de diferentes concelhos permitindo um trabalho em rede que promova o contacto de alunos de áreas geográficas do interior (ecossistemas essencialmente montanhosos e ripícolas) com ecossistemas litorais e estuarinos e vice-versa.

Os objetivos da candidatura são consubstanciados pelas seguintes ações: Desenvolvimento de atelieres científicos interativos direcionados às principais características e valores naturais dos habitats e espécies dos sítios Rede Natura 2000 que abrangem o Município de Viana do Castelo – Sítio Rio Lima, Sítio Litoral Norte e Sítio Serra D’Arga.

POSEUR-02-1810-FC-000076 | Reforço da Instalação da Rede de Defesa da Floresta Contra Incêndios - Municipio de Viana do Castelo

Designação: Reforço da Instalação da Rede de Defesa da Floresta Contra Incêndios - Municipio de Viana do Castelo

Custo Total Elegivel: 378 162,45 €

Comparticipação FEDER: 321 438,08 €

A operação, visa a instalação da Rede Primária da Faixa de Gestão de Combustíveis (FGC), a realização de FGC secundária, nomeadamente a de proteção à rede viária de acesso à Rede Primária e por fim, a adaptação da rede viária existente e de acesso a pontos de água de primeira ordem para a Serra da Padela, e para a Serra de Santa Luzia, visa, concretizar a adaptação da rede viária existente e de acesso a pontos de água de primeira ordem. Pretende-se com esta operação contribuir para:

- Diminuir a superfície percorrida pelos grandes incêndios permitindo e facilitando uma intervenção direta de combate ao fogo;

- Reduzir os efeitos de passagem dos grandes incêndios, protegendo de forma passiva vias de comunicação;

- Isolar os focos potenciais de ignição de incêndios;

-Operacionalizar o apoio ao combate, nomeadamente ao nível da rede viária florestal de acesso aos pontos de água de 1ª ordem de forma a facilitar o reabastecimento de água entre viaturas.

POSEUR-02-1810-FC-000408 |Reforço da Instalação da Rede de Defesa da Floresta Contra Incêndios – Município de Viana do Castelo 2ª Fase

Designação: Reforço da Instalação da Rede de Defesa da Floresta Contra Incêndios – Município de Viana do Castelo 2ª Fase

Custo Total Elegivel: 498 102,04 €

Comparticipação FEDER: 423 386,73 €

As áreas sujeitas a intervenção que nos propomos candidatar através deste projeto são duas, descritas abaixo:

- Serra de Amonde, caracterizada por extensas áreas de Perímetro Florestal, as quais possuíam, antes dos incêndios ocorridos em 2005, 2010,2013 e 2016, uma significativa regeneração de pinheiro bravo, mas também de Acácias. Presentemente, dominam estas espécies do género Acacia sp., surgindo, igualmente, alguns exemplares de Hakea sericea Schrader (Háquia - espinhosa). É uma área essencialmente de floresta de produção, nomeadamente de pinheiro bravo, apesar da área ocupada por eucalipto ter aumentado, como consequência de sucessivos incêndios florestais. É urgente rearborizar esta área, não só do ponto de vista da gestão, mas também pela grande perigosidade resultante da carga combustível existente, pelo que deverá constituir uma das prioridades em termos de Defesa da Floresta Contra Incêndios, tal como definido no PMDFCI.
A Serra é dividida na sua cumeada por duas freguesias, a de Outeiro e Amonde, apanhando algumas partes da freguesia de Freixieiro de Soutelo e da União de Freguesias de Nogueira, Meixedo e Vilar de Murteda.

- Serra de Santa Luzia, é uma área florestal muito importante pela sua proximidade à cidade de Viana do Castelo, possui elevado simbolismo religioso, significado histórico-cultural, importância paisagística e com utilização recreativa e desportiva. Encontrando-se dominada pelo eucalipto e pelas espécies exóticas invasoras do género Acacia sp., possui um planalto desarborizado, constituído por espécies maioritariamente arbustivas, especialmente por comunidades do tipo urzal-tojal. Apenas na parte superior da serra existem as áreas de floresta comunitária, integradas no Perímetro Florestal da Serra de Santa Luzia.